Blog do SpfcTricolor


 



Escrito por matheus altino às 18:11:49
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




São Paulo x Palmeiras: Artilharia

São Paulo x Palmeiras: Artilharia
Fonte: Israel Peniza


O Artilheiro:

Luis Antonio Correa da Costa
Apelido: Muller


Jogos disputados pelo SPFC: 385
Data de entrada no clube: 1984
Data de Saída: 1996
Gols Marcados no SPFC: 161
Nascimento: 31/01/1966 Campo Grande - MS
Títulos conquistados no SPFC: campeão paulista de 85,87,91 e 92, brasileiro de 86 e 91, Libertadores 1992,93, Mundial 1992,93, Recopa 1993,94, Supercopa 1993.



JOGADOR GOLS
1º Muller II 12
2º Gino, Leônidas da Silva 11
3º Maurinho 9
4º Armandinho, Dino, Dodô 8
5º Pedro Rocha, Prado, Raí, Teixeirinha 7
6º Rogério Ceni 6
7º Aristizábal, França, Friedenreich, Ponce de Leon, Serginho, Terto 5
8º Albella, Araken, Cicinho, Pita, Remo, Renato, Roberto Dias, Serginho II, Zé Sérgio 4
9º Adriano(Imperador), Amauri, Babá, Baltasar, Benê, Careca, Edu II, Euller, Fábio Simplício, Lanzoninho, Luizinho, Marcelo Ramos, Silas, Zezinho 3

10º Adílson, Alcino, Aloísio II, Amoroso, André Luiz, Assis, Baiano, Barrios, Cafu, Canhoteiro, Carioca, Cacílio Martinez, Chicão, Danilo II, Dias, Éverton, Getúlio, Gustavo Nery, Hemédio, Hortêncio, Leonardo, Macedo, Mário Sérgio, Mário Tilico, Mauro, Mirandinha, Neco, Negri, Paulo, Ricardo Oliveira, Richarlyson, Roberto, Sabino, Sandro Hiroshi, Sastre, Sidney, Siriri, Thiago II, Turcão, Válter Zunzum, Waldemar de Brito, Zé Roberto 2

11º Adílson II, Adriano, Agenor, Alex Dias, Almir III, Aníbal, Antoninho, Arlindo, Augusto, Bartô, Bentinho, Beraza, Bernardo, Bibe, Bobô, Borges, Bóvio, Casagrande, Célio, Dario Pereyra, Del Vecchio, Denílson, Dido, Diego Tardelli, Dinho, Dudu, Éder Taino, Edivaldo, Elyseo, Everaldo, Fefeu, Fiorotti, Fonseca, Forlan, Friaça, Gérsio, Gonçalo, Heriberto, Jaiminho, Jamelli, Jorge Wagne, Júlio Baptista, Junqueira, Kaká, Lê, Luís Carlos, Luís Fabiano, Luizão, Luizinho II, Maneca, Marcão, Marcelinho Paraíba, Marcelo, Mauro Ramos, Mílton, Mineiro, Miruca, Muller, Murici, Neca, Nelsinho, Nenê, Neto, Nildo, Novelli, Oscar, Pardal, Patrício, Paulo César, Pé de Valsa, Reinaldo II, Renganeschi, Rogério Pinheiro, Souza II, Tatu, Teodoro, Toninho, Toninho Cerezo, Vágner, Vágner II, Valdir II, Vanderlei, Vítor, Waldemar, W. Fiúme, Zarzur, Zizinho, Zuanella 1
Gol Contra 11



Escrito por matheus altino às 08:37:14
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




São Paulo x Palmeiras: Estatísticas do confronto

São Paulo x Palmeiras: Estatísticas do confronto
Fonte: Israel Peniza


Números gerais do confronto:

Jogos 289
Vitórias 99
Empates 93
Derrotas 97
Gols Pró 394
Gols Contra 384
Saldo de Gols 10

Números do Confronto em campeonatos Paulista:

Jogos 162
Vitórias 66
Empates 50
Derrotas 46
Gols Pró 242
Gols Contra 206
Saldo de Gols 38

Números do Confronto em campeonatos Brasileiros:

Jogos 42
Vitórias 6
Empates 20
Derrotas 16
Gols Pró 44
Gols Contra 57
Saldo de Gols -13

Números do Confronto em jogos oficiais:

Jogos 244
Vitórias 88
Empates 79
Derrotas 77
Gols Pró 347
Gols Contra 319
Saldo de Gols 28


Escrito por matheus altino às 08:35:58
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




São Paulo x Palmeiras: Curiosidades

São Paulo x Palmeiras: Curiosidades
Fonte: Israel Peniza


 
A primeira partida disputada entre São Paulo e Palmeiras aconteceu em 30/3/1930, empate em 2x2 El Trigre Friedenreich e Zuanella marcaram para o tricolor.

Em confrontos válidos pelo campeonato Paulista os artilheiros Tricolores no confronto são:
Muller II- 10 gols
Leônidas da Silva- 9 gols
Gino- 9 gols

Em jogos válidos pela Copa Libertadores da América SPFC e Palmeiras se enfrentaram em 8 oportunidades, 6 vitórias
do SPFC e 2 empates.

São Paulo e Palmeiras já decidiram o Campeonato Paulista em 3 oportunidades, em 1971 e 1972 o campeonato era por pontos corridos
mas SPFC e Palmeiras decidiram o título na última rodada. Em 1971 o Tricolor ganhou por 1x0 gol de Toninho Guerreiro, sagrando-se campeão.
Já em 1972 empate por 0x0 e o Palmeiras campeão detalhe, o tricolor foi vice invicto.

A última decisão entre as duas equipe aconteceu em 1992, início da era Parmalat do Palmeiras, uma fila de muitos anos.
O SPFC era o atual campeão da libertadores, uma maquina pronta as vésperas de disputar o título Mundial contra o Barcelona. Em 5/12/1992 entraram em campo as duas
equipes para decidir o título paulista, com uma exibição de gala de Raí, marcando 3 gols e Cafu, marcando 1 gol, o Tricolor bateu o Palmeiras por 4x2, para em seguida viajar
para o Japão e ganhar o título Mundial. Com o serviço completo no Japão Raí e sua trupe comandada por mestre Telê Santana, enfrentaram novamente o Palmeiras em 20/12/1992, para
sacramentar a conquista. Resultado: SPFC 2 x 1 gols de Toninho Cerezo e Muller, e mais festa da torcida Tricolor.

Armandinho, Araken, Elyseo, Paulo. Por um bom tempo a torcida palestina ficava com dor de cabeça ao ouvir esses nomes. Explico o porque, foram os responsáveis pela maior goleada nesse confronto, em 26/3/1939
o Tricolor massacrou o Palestra por 6x0 em jogo válido pelo paulistão, marcaram Armandinho 3 vezes, Araken, Elyseo, Paulo completaram a goleada.

Serginho(lateral esquerdo), Aristizábal, Raí, Dino Sani, e Armandinho por duas vezes, são os maiores goleadores
em uma única partida contra o Palmeiras com 3 gols cada.

O SPFC é o único time a ter um retrospecto favorável frente ao Palmeiras na era Parmalat, em 40 jogos 17 vitórias, 8 empates
e 15 derrotas, 61 GP, e 54 GC.

O maior jejum de vitórias no clássico é Palmeirense. Entre 1970 e 1974 o Palmeiras ficou 15 partidas sem vencer o Tricolor,
foram 6 vitórias do SPFC e 9 empates.

Em 23/8/1987, em jogo válido pelo campeonato Paulista, o Tricolor bateu o Palmeiras por 3x1 com 2 gols de Muller, e um de Neto.
O atual comentarista de T.V. defendendo a camisa Tricolor, marcou um gol de falta do meio do campo por baixo das pernas do goleiro palmeirense, que era ninguém menos que Zetti.



Que muller, craque Tricolor bi-campeão Mundial e da Libertadores é o carrasco palmeirense muitos sabem, mas um coisa que os mais novos não devem saber é que o seu irmão mais velho de quem herdou
o apelido "muller" também já fez gols pelo Tricolor contra o Palmeiras, foi no Paulistão de 1977, em 14/8/1977 vitória por 3x1 com gols de Chicão, Pedro Rocha e muller, o original


Escrito por matheus altino às 08:35:13
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




proximo jogo (fonte estacao tricolor

jogo
SPFC x Palmeiras

Brasileirão 2008
Data - 13/07
Hora - 16h00
Local - Morumbi
TV - Globo

Brasileirão 2008
+
Tabela
+ Classificação
+ Artilharia
+ História

Temporada 2008
+ Calendário
+ Estatísticas
+ Público
+ Artilharia

- Miranda
- Richarlyson
- Hugo
- Rogério Ceni
- Joilson
- André Dias
- Aloísio

- Alex Bruno
- Rodrigo
- Miranda


Escrito por matheus altino às 08:32:53
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




São Paulo
Torção no joelho tira Miranda do duelo do próximo domingo diante do rival Palmeiras
Grêmio


Escrito por matheus altino às 08:31:19
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




>document.write(' style="width:208px; height:515px" src="http://globoesporte.globo.com/ESP/0,,RSP0-4271-10,00.html" id="boxPlantao" scrolling="no" frameborder="0" name="boxPlantao">')

Escrito por matheus altino às 19:24:39
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





São Paulo 1x0 São José - 1º jogo da final do Campeonato Paulista de 1989

Mário Tilico entrou para a história pelos gols decisivos e espíritas que marcou pelo Tricolor.
No 1º jogo da final do Campeonato Paulista, contra o São José no Morumbi, Tilico fez a jogada que resultou no gol contra de André Luís, garantindo a vitória do Tricolor. Na 2ª partida, depois de um empate sem gols, o São Paulo se consagrou campeão.


Escrito por matheus altino às 20:59:17
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





São Paulo x Palmeiras - anos 90

Palhinha tenta escapar da marcação palmeirense


Escrito por matheus altino às 20:57:47
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





São Paulo 0x0 Palmeiras - Campeonato Paulista de 1943

O goleiro palmeirense Oberdan segura a bola depois da investida do atacante tricolor Pardal.
Com o empate, a moeda caiu de pé e o São Paulo conquistou o título do Campeonato Paulista de 1943.


Escrito por matheus altino às 20:56:52
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





São Paulo 5x1 Palmeiras - Campeonato Paulista de 1949

Em partida disputada no Pacaembu, o goleiro são-paulino Mário se prepara para agarrar a bola.



Escrito por matheus altino às 20:56:14
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





São Paulo 1x0 Palmeiras - Campeonato Paulista de 1946

O zagueiro são-paulino Renganeschi se prepara para marcar o gol da vitória tricolor.
Graças ao gol do zagueiro argentino, o São Paulo conquistou o título do Campeonato Paulista de 1946.
O mais curioso é que Renganeschi estava contundido e, por não existirem substituições naquela época, foi obrigado a permanecer em campo. Para não atrapalhar mais a equipe, Renganeschi ficou no ataque e, assim, marcou o único e mais importante gol de sua trajetória no Tricolor


Escrito por matheus altino às 20:52:30
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





São Paulo 1x0 Palmeiras - Campeonato Paulista de 1971

No dia 27 de junho de 1971, no Morumbi, São Paulo e Palmeiras se enfrentaram na partida que decidiu quem seria o campeão paulista daquele ano.
Precisando somente do empate, o Tricolor fez 1x0 logo aos 5 minutos de jogo, gol de Toninho Guerreiro.
Aos 22 minutos do segundo tempo, Leivinha fez o gol que empataria a partida. Porém, o árbitro Armando Marques marcou falta para o São Paulo, alegando que o atacante palmeirense tinha tocado a mão na bola.
Fim de jogo, São Paulo campeão.


Escrito por matheus altino às 20:51:14
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Esta foto mostra o elenco do São Paulo que tirou o clube de uma fila de 13 anos sem títulos paulistas. Foi tirada no dia 13 de setembro de 1970 antes de um clássico contra o Corinthians, que o time do Morumbi venceu por 1 a 0 com gol de Paraná. Quatro dias antes, o São Paulo havia garantido matematicamente a taça ao bater o Guarani em Campinas por 2 a 1. Em pé vemos, com a faixa, o presidente Laudo Natel, Benê, doutor Dalzell Freire Gaspar, jogador não identificado, Eduardo, Picasso, Gilberto, Sérgio Valentim, Lima, Édson Cegonha, Roberto Dias, Lourival, Forlan e Jurandir; agachados vemos jogador não identificado, Toninho II, Paulo Nani, Terto, jogador não identificado, Gérson, Zé Roberto, Toninho Guerreiro, Nenê e Paraná

Escrito por matheus altino às 20:09:51
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




São Paulo X Palmeiras -Curiosidades

São Paulo X Palmeiras -Curiosidades
Fonte: Israel Peniza/ Estação Tricolor


A primeira partida disputada entre São Paulo e Palmeiras aconteceu em 30/3/1930, empate em 2x2 El Trigre Friedenreich e Zuanella marcaram para o tricolor.

Em confrontos válidos pelo campeonato Paulista os artilheiros Tricolores no confronto são:
Muller II- 10 gols
Leônidas da Silva- 9 gols
Gino- 9 gols

Em jogos válidos pela Copa Libertadores da América SPFC e Palmeiras se enfrentaram em 8 oportunidades, 6 vitórias
do SPFC e 2 empates.

São Paulo e Palmeiras já decidiram o Campeonato Paulista em 3 oportunidades, em 1971 e 1972 o campeonato era por pontos corridos
mas SPFC e Palmeiras decidiram o título na última rodada. Em 1971 o Tricolor ganhou por 1x0 gol de Toninho Guerreiro, sagrando-se campeão.
Já em 1972 empate por 0x0 e o Palmeiras campeão detalhe, o tricolor foi vice invicto.

A última decisão entre as duas equipe aconteceu em 1992, início da era Parmalat do Palmeiras, uma fila de muitos anos.
O SPFC era o atual campeão da libertadores, uma maquina pronta as vésperas de disputar o título Mundial contra o Barcelona. Em 5/12/1992 entraram em campo as duas
equipes para decidir o título paulista, com uma exibição de gala de Raí, marcando 3 gols e Cafu, marcando 1 gol, o Tricolor bateu o Palmeiras por 4x2, para em seguida viajar
para o Japão e ganhar o título Mundial. Com o serviço completo no Japão Raí e sua trupe comandada por mestre Telê Santana, enfrentaram novamente o Palmeiras em 20/12/1992, para
sacramentar a conquista. Resultado: SPFC 2 x 1 gols de Toninho Cerezo e Muller, e mais festa da torcida Tricolor.

Armandinho, Araken, Elyseo, Paulo. Por um bom tempo a torcida palestina ficava com dor de cabeça ao ouvir esses nomes. Explico o porque, foram os responsáveis pela maior goleada nesse confronto, em 26/3/1939
o Tricolor massacrou o Palestra por 6x0 em jogo válido pelo paulistão, marcaram Armandinho 3 vezes, Araken, Elyseo, Paulo completaram a goleada.

Serginho(lateral esquerdo), Aristizábal, Raí, Dino Sani, e Armandinho por duas vezes, são os maiores goleadores
em uma única partida contra o Palmeiras com 3 gols cada.

O SPFC é o único time a ter um retrospecto favorável frente ao Palmeiras na era Parmalat, em 40 jogos 17 vitórias, 8 empates
e 15 derrotas, 61 GP, e 54 GC.

O maior jejum de vitórias no clássico é Palmeirense. Entre 1970 e 1974 o Palmeiras ficou 15 partidas sem vencer o Tricolor,
foram 6 vitórias do SPFC e 9 empates.

Em 23/8/1987, em jogo válido pelo campeonato Paulista, o Tricolor bateu o Palmeiras por 3x1 com 2 gols de Muller, e um de Neto.
O atual comentarista de T.V. defendendo a camisa Tricolor, marcou um gol de falta do meio do campo por baixo das pernas do goleiro palmeirense, que era ninguém menos que Zetti.

Que muller, craque Tricolor bi-campeão Mundial e da Libertadores é o carrasco palmeirense muitos sabem, mas um coisa que os mais novos não devem saber é que o seu irmão mais velho de quem herdou
o apelido "muller" também já fez gols pelo Tricolor contra o Palmeiras, foi no Paulistão de 1977, em 14/8/1977 vitória por 3x1 com gols de Chicão, Pedro Rocha e muller, o original.


Escrito por matheus altino às 18:08:27
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, Homem, de 20 a 25 anos, Portuguese, Esportes, Música
MSN - matheus_altino2@hotmail.com
Histórico
Outros sites
  UOL - O melhor conteúdo
  BOL - E-mail grátis
  estacao tricolor
  tricolormania
Votação
  Dê uma nota para meu blog